História – Como surgiu a máquina de costura

142
História – Como surgiu a máquina de costura

Senta que lá vem história!

Como o blog está em uma pegada cultural muito divertida, decidimos trazer para vocês um pouquinho da história de origem das nossas queridas companheiras.

Senta com a gente e vamos conhecer como surgiu a máquina de costura!

A tecelagem

Antes de falarmos das máquinas de costura é importante contextualizar a importância histórica da costura durante a evolução da humanidade.

A tecelagem, a arte de criar tecidos, existe há pelo menos 6.000 anos, com registros de pessoas desses tempos antigos utilizando conhecimentos de cestaria para entrelaçar tramas de algodão em tecidos.

Registros históricos gregos também fazem alusões aos teares de Circe e Penélope, no período da guerra de Tróia.

Os primeiros teares, aliás, possuem registros de serem utilizados por volta do século 19 A.C. Sendo apenas, quase 4.000 anos depois, durante os anos de 1800, que Joseph Marie Jacquard inventaria o primeiro tear mecânico.

A costura

Se há tecidos, há a necessidade de costurá-los e, talvez mais antiga que a arte da tecelagem está a arte da costura, uma vez que a necessidade de vestir era intrínseca à sobrevivência do ser humano na natureza e transformar peles e outros materiais em roupas era fundamental.

Com a tecelagem, a costura ganhou novos materiais e novas possibilidades, aos poucos unindo a criatividade à necessidade de se vestir e criando estilo característicos de épocas e civilizações.

É possível saber muito sobre um povo pela moda apenas. As roupas revelam a época em que foram feitas, a cultura local, o clima e a sociedade.

A máquina de costura

Com a importância prática e cultural da costura e a evolução das técnicas de tecelagem, era óbvio que as técnicas de produção teriam que acompanhar e em 1790 a primeira patente de um modelo de máquina de costura foi feita por Thomas Saint.

Em 1807, o alfaiate austríaco Josef Madesperger apresentou seu modelo de máquina de costura ao mundo. Mas, seria apenas em 1830 que o primeiro modelo realmente funcional seria mostrado ao mundo.

A máquina de costura do alfaiate francês Barthelemy Thimonnier foi concebida ao observar a técnica de ponto em cadeia feita pelas costureiras de Lyon, que conseguiam, manualmente, fazer 30 pontos por minuto. O resultado foi a primeira máquina de costura da história, com uma capacidade de 200 pontos por minuto.

O produto revolucionário não foi unanimidade, mesmo com sua grande capacidade para a época, muito pelo contrário, em 1841 gerou revolta entre os artesãos locais que, temendo por seus empregos, destruíram as oficinas e máquinas do alfaiate.

Deste ponto em diante, diversos inventores começaram a fazer suas próprias versões e melhorias nas máquinas de costura, até que em 1921, o primeiro modelo de máquina de costura Janome foi fabricada.

E hoje, mais de 100 anos depois da primeira, continuamos prezando pela excelência e amor à costura.

 

Janome, Apaixone-se!

 

 

 

 

Leave a reply