Tipos de pontos usados em bordados.

31
Tipos de pontos usados em bordados.

Queridas, uma coisa que vocês, que acompanham o mundo da costura como a gente já devem ter percebido é que as máquinas de bordado estão em alta!

Convenhamos, o bordado é muito útil para decorar diferentes peças e tecidos, podendo dar uma cara totalmente nova e até mesmo recuperar um artigo que já era considerado uma velharia.

É possível fazer lindos bordados usando as máquinas de costura da Janome, tanto as programáveis, eletrônicas, como de forma manual.

Vale lembrar que a Janome também conta com uma linha exclusiva de máquinas bordadeiras!

No presente post vamos apresentar para você os principais e mais utilizados pontos para bordar tecidos à mão e também com o auxílio das máquinas Janome.

Pontos à mão

  1. Ponto Atrás

O ponto atrás costuma ser utilizado para fazer os contornos de desenhos. É importante ter atenção com esse tipo de ponto para não deixá-lo nem frouxo nem apertado demais, e que não se perca o padrão entre um e outro.

  1. Ponto Corrente

O ponto corrente é uma boa escolha para iniciantes no bordado por ser um dos de mais fácil utilização, sendo aplicado em contornos e nos preenchimentos. O ponto corrente também é conhecido como partido ou ponto elo.

  1. Ponto Ziguezague

O ponto ziguezague é utilizado como ponto decorativo, para efeitos diferenciados.

  1. Ponto Cheio

O ponto cheio costuma ser aplicado no preenchimento de áreas pequenas para dar um efeito de relevo. É considerado um ponto de execução fácil.

  1. Ponto Matiz

Também utilizado no preenchimento, mas de áreas maiores do que no caso do ponto cheio.

  1. Ponto Haste

Um ponto de contorno, que lembra visualmente uma trança, o que confere a esse tipo de ponto um efeito de relevo.

  1. Ponto Pequinês

Tem como principal característica a função decorativa. Em sua aplicação são utilizadas duas linhas de cores diferentes, com uma fileira em ponto atrás seguida de laços entre os pontos construídos com a outra linha.

 

Pontos com máquina

Além dos pontos mais utilizados nos bordados manuais, confira a seguir quatro pontos muito comuns quando os bordados são feitos na máquina.

  1. Pesponto

O pesponto tem uma finalidade estrutural, sendo feito com o intuito de fixar o tecido à entretela, para que não ocorra o seu encolhimento. Para isso ele é realizado no sentido contrário ao do bordado de fato. Uma variação do pesponto é o pesponto triplo.

  1. Ponto cheio reto

O ponto cheio reto e comumente utilizado para preencher áreas mais estreitas, as letras são um bom exemplo de aplicação.

  1. Ponto em ziguezague

O ponto em ziguezague é bastante utilizado para o preenchimento em área, podendo ter variação em sua angulação.

  1. Ponto tatami ou matizado

O ponto tatami, também conhecido como matizado, é muito aplicado no preenchimento das maiores áreas do bordado, com mais de 8mm. Isso acontece pelas suas diferentes possibilidades de uso e de efeitos decorrentes.

As máquinas Janome possuem inúmeras opções de tipos de ponto, que variam de acordo com o modelo, que podem ser combinados entre si e com técnicas manuais para compor diferentes projetos.

Para quem precisa de tecnologia profissional na hora de bordar, as máquinas de bordar da Janome também podem ser a solução ideal.

Janome, apaixone-se!

Leave a reply