Devo investir numa galoneira?

183
Devo investir numa galoneira?

Uma dúvida constante que paira na mente de qualquer empreendedora é “devo investir em…”, afinal, temos que dar passos adiante e melhorar nossa empresa e a qualidade do serviço que fornecemos.

Nesse texto, vamos discutir um pouquinho sobre as vantagens de investir em uma máquina galoneira para o seu ateliê, vamos lá?

A função da Galoneira

Tradicionalmente, a galoneira é uma máquina industrial, utilizada para fazer uma série de acabamentos de grande qualidade nas peças. O que passa batido, às vezes, é que existem versões domésticas e semi-industriais dessas máquinas que são perfeitas para ateliês.

A principal função da galoneira é fazer o galão, ou seja, costuras com acabamento, como as bainhas de calças.

Dentre os serviços que podem ser feitos por uma galoneira estão:

  • Bainhas;
  • Colaretes;
  • Golas;
  • Barras;
  • Viés;
  • Debrum;
  • Rebatimento de elástico.

Outra característica da galoneira é trabalhar com 2 ou 3 agulhas, o que agiliza os serviços e melhora o tempo de produção geral de um ateliê!

As vantagens da galoneira

As galoneiras trabalham muito bem com tecidos leves e médios (consulte o manual de instruções de sua máquina em caso de tecidos pesado), fazendo costuras duplas e triplas incrivelmente resistentes, sendo ótimas opções para reforçar cós de calças e para prender elásticos em peças mais delicadas.

A resistência na costura é uma excelente característica para quem trabalha com malhas e tecidos elásticos. Enquanto a costura por dentro é reforçada, por fora ela faz um traço diferente, dando um acabamento mais belo e profissional.

Qual a galoneira ideal?

Agora que entendemos como uma galoneira pode ajudar no seu ateliê, vamos descobrir qual é a máquina ideal para você e porque é a 2000CPX!

Tal como a 1000 CPX, a 2000 CPX é uma galoneira doméstica que traz uma qualidade incrível nos seus pontos, mantendo as 3 agulhas e 4 linhas.

O sistema de passagem de linhas é identificado por cores e sistema de ajuste de tensão permite um ótimo controle dos tecidos mais leves aos mais grossos:

  • Algodão;
  • Seda;
  • Satin;
  • Veludo;
  • Sintéticos;
  • Poliéster;
  • Denim;
  • Jeans;
  • Couro;
  • Suede;
  • Canvas;
  • Tecidos grossos e multicamadas.

As únicas limitações dela envolvem tecidos mais exóticos como couro de répteis, peles e tecidos plásticos ou emborrachados.

Devo investir numa galoneira?

Agora que você sabe o que faz e qual a galoneira ideal, a dúvida que fica é se você deve ou não investir em uma. A resposta é simples: depende.

Para escolher entre investir ou não você deve considerar o volume e qualidade de serviço do seu ateliê, uma vez que a galoneira irá impactar diretamente nesses dois aspectos. Se você está com uma demanda acima da sua capacidade ou se busca fornecer uma qualidade maior e consequentemente subir o valor cobrado por serviço, uma galoneira pode ser o caminho ideal para você!

Janome, Apaixone-se

Leave a reply