Tipos de perfis das profissionais de costura e suas características. Qual é o seu?

82
Tipos de perfis das profissionais de costura e suas características. Qual é o seu?

Costureira. Essa é uma palavra que traz muito orgulho para nós que somos apaixonadas por essa vocação. É uma palavra que representa milhões de pessoas diferentes pelo mundo todo, cada uma com suas peculiaridades.

Por isso, enquanto o título de costureira é algo incrível, também é muito importante saber qual tipo de costureira (o) é você.

Então, vamos dividir a palavra e descobrir as diversas profissões que existem dentro da própria costura. 

Costureira de Fábrica

Dentro de uma fábrica o processo de produção é muito bem dividido e especializado. Aqui, a costureira irá realizar apenas uma determinada tarefa com o máximo de habilidade e agilidade.

A costureira de fábrica, geralmente, é responsável por montar partes das peças, como bolsos, zíperes, punhos, golas, etc., sem trabalhar com a peça inteira propriamente dita. Cada costureira na linha de produção é extremamente importante para que o resultado seja perfeito.

O perfil da costureira de fábrica é de uma pessoa que seja detalhista e ágil, sendo um trabalho que pode não se encaixar bem com pessoas que não estão acostumadas com ritmos acelerados. 

Costureira Faccionista

As costureiras faccionistas trabalham com contratos, realizando serviços terceirizados para oficinas de costura e grandes confecções. Elas recebem lotes de peças cortadas e costuram de acordo com a peça piloto e a ficha técnica recebida.

Este é um trabalho que demanda muita concentração e atenção aos detalhes, por isso é uma opção para pessoas que possuam um perfil muito detalhista. 

Estilista

Para quem gosta de exercer a criatividade, trabalhar como estilista é uma ótima opção.

Esse ramo exige que a pessoa conheça tanto a parte técnica como teórica da costura, além de ter afinidade com lápis e papel para desenvolver os conceitos das peças.

Enquanto toda costureira tem um pouco de estilista em si, é possível dedicar-se completamente a essa profissão. 

Modelista

Se o estilista é alguém que cria, o (a) modelista é o (a) responsável por tornar essas criações possíveis. São eles que irão criar os moldes, escolher os tecidos e elaborar os detalhes técnicos das peças criadas pelo estilista.

Podemos dizer que é uma relação próxima ao engenheiro e arquiteto. No caso, as reclamações também são as mesmas, uma vez que as ideias malucas de um irão exigir muita habilidade para que o outro a torne executável. 

Costureira Sob Medida

Para as mais apaixonadas que estudam cada detalhe da costura, o sonho do ateliê ou estúdio próprio é um caminho tentador.

As costureiras sob medida precisam dominar todos os aspectos da costura, do croqui aos últimos pontos e acabamentos, para criar peças sob medida ao gosto do freguês.

Pessoas que ocupam esse cargo podem realizar serviços com consertos, ajustes, costura geral e alta costura. 

Costureira Artesã

Existem também as costureiras artesãs, que como as Sob Medida dominam todos os aspectos da costura, mas ao invés de produzirem peças de roupa, dedicam-se ao artesanato.

O perfil técnico e criativo é similar. 

Alfaiates

Aqui temos uma profissão tradicionalmente masculina. O alfaiate tem que ser um profissional extremamente detalhista e perfeccionista, dedicando-se a produção de ternos, paletós, calças sociais, gravatas, camisas, blazers, smokings entre outras peças sob-medida.

Qual o seu perfil?

O perfil de uma pessoa nem sempre é óbvio, mas com o tempo vamos encontrando o que nos dá mais prazer e o caminho ao qual queremos nos dedicar. Por isso, nos conte um pouco sobre a sua trajetória na costura e como escolheu o seu caminho profissional com a #CostureiraJanome ou #CostureiroJanome!  Janome, Apaixone-se!

Leave a reply