Roupas para exercícios – materiais e trajes populares

331
Roupas para exercícios – materiais e trajes populares

Ser fitness está na moda, por isso, hoje, iremos falar de moda fitness!

Já faz algum tempo que as academias voltaram à ativa e pudemos finalmente retomar nossos exercícios regulares para uma vidinha mais saudável. E assim como tudo que se faz em público, existe um vestuário adequado para frequentar a academia.

De estilos de roupas aos próprios materiais, existe muita coisa para explorarmos no universo da moda fit.

 Os principais estilos

A indústria fitness criou sua própria linha de moda, por isso, é muito importante entender quais os estilos que estão na moda.

Roupas para exercícios seguem duas características de estilos principais: primeiro, ela deve ser ideal para o esporte praticado e, segundo ela, deve valorizar o corpo do atleta.

Claro, se for impossível possuir ambas, a primeira característica será a mais valorizada.

Então, vamos aos tipos de roupas mais populares:

Leggings: escolha padrão para o público feminino, utiliza tecidos leves e elásticos que se moldam perfeitamente ao corpo, garantindo boa mobilidade e conforto.

Shorts e bermudas: escolha básica para qualquer atividade física que não exija vestuário específico. Feitos de tecidos leves e confortáveis, apresentam uma grande variedade de estilos que podem ser utilizados.

Body: peça que está nas graças das mulheres, o body é uma peça versátil que vai dos treinos às saídas da noite e até mesmo piscinas dependendo do material utilizado.

Regatas: de volta ao básico e tradicional, uma regatinha é perfeita para atividades físicas e, apesar da simplicidade, possui uma boa variedade de designs que podem ser explorados.

Saias: combine com um shortinho para um traje de treino maravilhoso, tanto no sentido prático como estético da palavra. Fáceis de fazer, as saias não saem de moda!

 Tecidos

Agora que sabemos quais peças vamos fazer, chegou a hora de escolher os materiais adequados. Por isso, pesquisamos tecidos que se comportam bem com calor e suor, que facilitam a mobilidade e sejam razoavelmente resistentes.

Poliéster:  tecido sintético, barato, versátil e muito resistente, o poliéster é o material básico para muitas peças de vestuário esportivo. Para iniciar a confecção de roupas esportivas, essa é uma excelente opção!

Poliamida: sedosa, flexível e de alta resistência mecânica, a poliamida é um dos tecidos favoritos para a confecção de material esportivo. O seu diferencial está na capacidade de troca de calor que ajuda a manter o atleta fresco durante os treinos.

Poliéster e algodão: a combinação dos dois tecidos traz algumas vantagens como conforto, resistência e troca térmica.

Viscolycra: para peças coladas ao corpo, a viscolycra é um dos materiais mais indicados graças às suas qualidades elásticas. Além disso, é um tecido muito macio, leve e confortável, apresentando ótimo desempenho na atividade física.

Dry fit: tecido tecnológico composto de poliéster, com algumas versões utilizando 10% de elastano. Esse tecido utiliza micro canais para distribuir o suor através da sua superfície, facilitando a evaporação. Essa propriedade garante que a peça ficará seca e leve durante toda a atividade física.

Emana: criado pela Rhodia, esse material combina a poliamida com minerais ativados que ajuda na circulação e oxigenação sanguínea. Os benefícios dessa propriedade são mais perceptíveis ao longo prazo.

Variedade de combinações não faltam no universo da moda esportiva. Dos mais tradicionais aos mais tecnológicos, basta ligar sua Janome e colocar seus projetos em prática.

Uma recomendação ideal para esse tipo de serviço é a máquina Galoneira, por ser especializada nos acabamentos necessários em bainhas de calças, ela irá facilitar o serviço fazendo com que você ganhe bastante tempo na hora da produção. Se ficou curiosa, clique aqui e conheça os modelos da Janome!

 

Janome, Apaixone-se!

Leave a reply